Dimensões mínimas para instalar um elevador

Elevador Casa

Dimensões mínimas para instalar um elevador

Elevador Casa
Sérgio Santos
Sérgio Santos

Editor do Vida Acessível

Quando se considera a instalação de um elevador residencial, seja num edifício já existente ou durante o planeamento de uma nova construção, é crucial ter conhecimento sobre as dimensões gerais do elevador. Esta informação não só influencia diretamente a viabilidade do projeto, como também garante que as necessidades de mobilidade dos utilizadores sejam eficazmente atendidas. Neste artigo, propomos orientar-vos através das medidas padrão para diferentes tipos de elevadores residenciais, oferecendo uma base sólida para tomar decisões informadas neste âmbito.

Medidas Gerais de Elevadores Residenciais

Elevador para Transportar até 2 Pessoas

Para aqueles que procuram instalar um elevador unifamiliar com o objetivo de transportar até duas pessoas, as medidas mínimas recomendadas são essenciais para garantir conforto e segurança. A área interna da cabina deve ser de aproximadamente 1,08 m², com uma largura de porta de 0,80 m e uma altura da cabina de 2,00 m. A profundidade da cabina deve ser de 1,10 m, otimizando o espaço sem comprometer a funcionalidade.

Elevador para Acessibilidade

No que toca a elevadores destinados à acessibilidade, projetados para transportar uma pessoa em cadeira de rodas acompanhada por outra pessoa, as medidas mínimas ajustam-se para atender a estas necessidades específicas. A área interna da cabina é ligeiramente maior, 1,10 m², com uma largura de porta de 0,90 m e uma altura da cabina de 2,10 m. A profundidade da cabina aumenta para 1,25 m, e é crucial um diâmetro de giro livre dentro da cabina de 1,50 m, permitindo manobrabilidade adequada para cadeiras de rodas.

Elevador para 4 ou Mais Pessoas

Para edifícios residenciais que necessitam de acomodar um número maior de passageiros, os elevadores com capacidade para 4 ou mais pessoas são a solução ideal. Estas unidades requerem uma área interna da cabina de 1,60 m², com uma largura de porta significativamente maior, de 1,20 m. A altura da cabina mantém-se em 2,00 m, enquanto a profundidade da cabina se expande para 1,40 m, assegurando espaço suficiente para um grupo maior de utilizadores.

Estas medidas servem como orientação geral para quem planeia a instalação de um elevador residencial. É importante notar que, dependendo do fabricante e do modelo específico, as dimensões podem variar. Assim, recomenda-se sempre a consulta com profissionais especializados para assegurar que a escolha do elevador atenda perfeitamente às necessidades do edifício e de seus utilizadores, cumprindo todas as normas de segurança aplicáveis.

Exemplos de Medidas de Elevadores

Elevadores Domésticos da Pollock

Os elevadores da Pollock destacam-se pela sua instalação fácil e design elegante, oferecendo soluções para residências de até dois andares sem necessidade de grandes obras ou caixa de alvenaria. Estas unidades fixam-se diretamente no chão, na abertura da laje e no teto ou parede, apresentando porta e painéis em vidro que permitem a passagem de luz natural. As características principais incluem:

  • Tamanhos disponíveis: Pequeno (54x75cm), Médio (85x75cm), Grande (85x125cm).
  • Capacidade de carga: 255kg a 300kg.
  • Segurança: Cumprimento dos padrões de segurança da Comunidade Europeia, com baterias de back-up.
  • Custo de utilização e manutenção: Motor de 750watt, silencioso com apenas 55dB.

Elevador Residencial Para Até 2 Pessoas

Pensado para otimizar espaços reduzidos, este modelo está disponível em três tamanhos distintos, adaptando-se a várias necessidades residenciais. As dimensões exteriores do tamanho menor permitem a instalação em espaços particularmente limitados, mantendo o conforto e eficiência:

  • Dimensões exteriores: 840 x 880 mm para o tamanho menor.
  • Capacidade: Transporta até 2 pessoas, com um peso total de 250 kg.
  • Instalação: Possível instalação num poço de apenas 50mm de profundidade ou com rampa opcional.

Elevador Residencial H200 da TK Elevator

O Elevador Residencial H200 da TK Elevator é a epitome da adaptabilidade e design, disponível em várias configurações para se adequar a qualquer estilo residencial. Este elevador combina eficiência energética com uma ampla gama de opções de personalização, incluindo:

  • Acionamento: Elétrico ou hidráulico.
  • Uso previsto: Residencial, tanto para ambiente interno quanto externo.
  • Opções: Panorâmico, com uma vasta escolha de cores, materiais e acabamentos.
  • Carga: Mínima de 250 kg até máxima de 400 kg.
  • Altura: Variável entre 2.300 mm a 2.450 mm.
  • Descrição: O H200 utiliza tecnologia hidráulica para uma gama variada de tamanhos de plataforma, oferecendo soluções tecnicamente adaptáveis e esteticamente agradáveis para qualquer residência.

Estes exemplos ilustram a diversidade e a capacidade de adaptação dos elevadores residenciais disponíveis através do nosso parceiro Levita, sublinhando a importância de escolher uma solução que não só atenda às necessidades de mobilidade, mas que também se integre harmoniosamente no ambiente doméstico.

Espaço para Instalação do Elevador

Dimensionamento da Caixa do Elevador

No mercado atual, existe uma ampla gama de elevadores residenciais projetados para serem instalados sem a necessidade de um fosso, especialmente aqueles destinados a percorrer apenas dois andares. Estes modelos podem ser instalados diretamente através de uma passagem ou abertura na laje e fixados ao teto ou parede, simplificando significativamente o processo de instalação. Para a instalação de um elevador que não requer um fosso, é crucial considerar o espaço adicional em torno da cabine para garantir a adequação e segurança do elevador dentro da residência. Por exemplo, se a cabine tem dimensões de 1,50 x 1,50 m, a caixa do elevador deverá ter dimensões mínimas de 1,70 x 1,70 m, assegurando um espaço livre de 10 cm em todo o entorno da cabine.

Poço e Casa de Máquinas

Para os modelos de elevadores que necessitam de um poço (ou fosso) ou de uma casa de máquinas, os fabricantes oferecem soluções adaptativas que permitem a instalação do elevador numa caixa sobre o solo, com a adição subsequente de uma rampa de acesso. Esta abordagem permite acomodar elevadores em residências onde a escavação de um poço não é viável ou desejada, oferecendo flexibilidade e adaptabilidade sem comprometer a funcionalidade ou a estética do elevador. A instalação de elevadores que requerem um poço demonstra a versatilidade das soluções disponíveis no mercado, permitindo que os proprietários escolham a opção que melhor se adapta às suas necessidades e limitações estruturais da propriedade.

Normas e Legislação em Portugal

Normas e Legislação para Elevadores Residenciais

Em Portugal, a instalação de elevadores residenciais é regulamentada por várias normas e legislação, destinadas a assegurar a segurança e a acessibilidade dos usuários. Uma das normas mais relevantes é a Norma Portuguesa NP EN 81-70:2017, específica para elevadores de acessibilidade, garantindo que estes cumpram com os requisitos necessários para utilizadores com mobilidade reduzida. Além disso, o Decreto-Lei n.º 163/2006, de 8 de Agosto, estabelece as condições de acessibilidade a cumprir em edifícios públicos e habitacionais, incluindo a instalação de elevadores. É importante notar que, no caso de instalação de elevadores em condomínios, existem especificidades legais adicionais a considerar.

Conheça todas as soluções de mobilidade que temos para si

Scroll to Top